Teosofia Antiga e Moderna

  • Adolfo Kuhn Pfeifer
  • Cristiane Szynwelski
  • Silas Roberto Rocha Lima
  • Ricardo Lindemann
  • Otavio Ernesto Marchesini
  • Luciane Mendes da Silva
Palavras-chave: Teosofia, Neoplatonismo, Blavatsky

Resumo

O objetivo do GT Teosofia Antiga e Moderna é agregar pesquisadores para estimular o diálogo inter-religioso à luz do estudo teosófico comparativo, que sustenta a unidade essencial das religiões, e apresentar pesquisa opcional em três subdivisões temáticas:

(i) A Teosofia Antiga ocidental, conforme sua origem grega possivelmente remota em Pitágoras e Platão, ou mais recente no Neoplatonismo Alexandrino (Século III dC, significando literalmente “Sabedoria Divina”) a partir de Amônio Sacas, Plotino, Jâmbico, Proclo, Orígenes, entre outros, e suas correlações ou raízes orientais, principalmente no Hinduísmo, Vedanta, Yoga e Budismo;

(ii) A Teosofia  Moderna, principalmente a partir de Blavatsky e da fundação em 17/11/1875 da Sociedade de Teosófica (e suas derivações: Maçonaria Mista Internacional, Igreja Católica Liberal, etc.) encorajando o estudo comparativo de Religião, Filosofia e Ciência, investigando principalmente A Doutrina Secreta, as Cartas dos Mahatmas, em temas como a relação entre o Absoluto, o Logos ou Deus, as Leis de Periodicidade, Reencarnação, Karma, Evolução e o Plano Divino;  autores como Besant, Leadbeater, Jinarajadasa, Sri Ram, Taimni, Krishnamurti, entre outros, e em traduções de Fernando Pessoa como Ideais da Teosofia, A Voz do Silêncio, Introdução ao Yoga;

(iii) As correlações ou correspondências entre a Teosofia Antiga e a Moderna e sua possível unidade.

Tal pesquisa deve contribuir para a Ciência da Religião, com perspectivas de diálogo inter-religioso, para um futuro de progressiva superação do sofrimento humano e dos conflitos contemporâneos de origem religiosa ou filosófico-existencial em busca da unidade e da paz.

Referências

BARKER, A. T., compilador. Cartas dos Mahatmas para A. P. Sinnet. v. 1 e 2. Brasília:Ed.
Teosófica, 2001.
BETTO, Frei. A Obra do Artista: uma visão holística do universo. São Paulo: Ed. Ática,
1995.
BLAVATSKY, Helena P. A Chave para a Teosofia. (The Key toTheosophy, 1889). Brasília:
Ed. Teosófica, 1991.
____________________. A Doutrina Secreta. Tradução de Raymundo Mendes Sobral. v.1-6.
São Paulo: Ed. Pensamento, 2000.
____________________. A Voz do Silêncio. (The Voice of The Silence, 1889). Brasília: Ed.
Teosófica, 2011.
BURNIER, Radha. Aprendendo a Viver a Teosofia. Brasília: Ed. Teosófica, 2007.
CAPRA, Fritjof. O Tao da Física. São Paulo: Ed. Cultrix, 1985.
_____________. O Ponto de Mutação. São Paulo: Ed. Cultrix, 1989.
FERGUNSON, Marilyn. A Conspiração Aquariana: transformações pessoais e sociais nos
anos 80. Rio de Janeiro: Ed. Record, 1994.
LINDEMANN, Ricardo. A Ciência da Astrologia e as Escolas de Mistérios. Brasília: Ed.
Teosófica, 2006.
LINDEMANN, Ricardo. OLIVEIRA, Pedro. A Tradição-Sabedoria: uma introdução ao
estudo comparado de filosofia oriental e ocidental. Brasília: Ed. Teosófica, 1993.
MORIN, Edgar. Ciência com Consciência. Rio de Janeiro: Ed. Bertrand, 2000.
NICHOLSON, Shirley. Sabedoria Antiga e Visão Moderna. Brasília: Ed. Teosófica, 1991.
PFEIFER, Adolfo K. A Atitude Holística do Trabalhador no Ambiente de Trabalho e sua
Qualidade de Vida. Dissertação de Mestrado em Engenharia de Produção/Ergonomia, UFSC.
Florianópolis, 2003.
________________. Uma Abordagem Holística em Orientação Profissional. Em Orientação
Profissional em Ação. Vol. I. LISBOA, Marilu; SOARES, Dulce H.P. (organizadoras). São
Paulo: Summus Editorial, 2017.
RODRIGUES, Aroldo. Psicologia Social. Petrópolis: Ed. Vozes, 1976.
TAIMNI, I. K. A Ciência do Yoga. Brasília: Ed. Teosófica, 1996.
WEIL, Pierre; D’AMBRÓSIO, Ubiratan; CREMA, Roberto. Rumo à Nova Transdisciplinaridade: sistemas abertos de conhecimento. São Paulo: Ed. Summus, 1993.
ARISTÓTELES. Metafísica. Tradução e notas de Edson Bini. 2. ed. São Paulo: Edipro, 2012.
BARKER, A. T., compilador. Cartas dos mahatmas para A. P. Sinnet. v. 1 e 2. Brasília:
Teosófica, 2001.
BLAVATSKY, Helena P.A doutrina secreta. Tradução de Raymundo Mendes Sobral. v. 1-6.
São Paulo: Pensamento, 2000.
BLAVATSKY, Helena P. Sabedoria eterna. Tradução de M. P. Moreira Filho. São Paulo:
Pensamento, 1973.
MARTINS FILHO, Ives Gandra. Manual esquemático da história da filosofia. São Paulo:
LTr, 1997.
RADHAKRISHNAN, S. IndianPhilosophy. v. 2. Nova Delhi: Oxford University Press, 1997.
SHANKARA, Vivekachudamani: a jóia suprema do discernimento. Tradução brasileira da
versão em espanhol de SwamiVijoiananda (Ordem Ramakrishna), [data desconhecida].
Disponível em:
Acesso
em 12 out. 2018.
TAIMNI, I. K. A Ciência do Yoga. Brasília:Teosófica, 1996.
BARDIN, L. Análise de Conteúdo. Tradução de Luis Antero Reto e Augusto Pinheiro.
Lisboa: Edições 70, 2006.
LINDEMANN, R. A urgência por uma nova mente.Revista TheoSophia. Brasília:Sociedade
Teosófica no Brasil, 2015.
LÜDKE, H. A.; ANDRÉ, M. E. D. A. Pesquisa em Educação: Abordagens Qualitativas. São
Paulo:EPU,1986.
MEHTA, R. Yoga a arte da integração. Tradução de Marly Wincler.Brasília:Teosófica, 2012
TAIMNI, I. K. A Ciência do Yoga – Comentários sobre os Yoga-Sutras de Patañjali à luz do
pensamento moderno. Tradução: Milton Lavrador. Revisão Técnica: Alcyr A. Ferreira e
Ricardo Lindemann. 4. ed. Brasília: Teosófica, 2006.
VYGOTSKY, L. S.Psicologia Pedagógica.Edição comentada. Tradução do russo e
introdução de Paulo Bezerra. 2. ed. São Paulo:Martins Fontes, 2004.
ABBAGNANO, Nicola. Dicionário de Filosofia. 2. ed.São Paulo: Martins Fontes, 1999.
ALMEIDA, João Ferreira de, trad. A BíbliaSagrada.Rio de Janeiro:
SociedadeBíblicadoBrasil, 1969.
ARNIKAR, H.J., PhD. Essentials of Occult Chemistry and Modern Science. Chennai
(Madras), India: Theosophical Publishing House, 2000.
AUDI, Robert, org. Dicionário de Filosofia de Cambridge. São Paulo: Paulus, 2006.
BARKER, A.T., comp. Cartas dos Mahatmas para A.P. Sinnett. Brasília: Teosófica, 2001.
BESANT, A.; LEADBEATER, C.W. OccultChemistry. 3. ed.Chennai (Madras), India:
TheosophicalPublishingHouse, 1994.
BESANT, A.; LINDEMANN, R. (trad.) BhagavadGita. Brasília: Teosófica, 2014.
BLAVATSKY, H. P. A Chave para a Teosofia.Brasília: Teosófica, 1991.
_________________.Fundamentos da Filosofia Esotérica. Brasília: Teosófica, 2011.
_________________. Ocultismo Prático. Brasília: Teosófica, 2001.
_________________. CollectedWritings. Wheaton, Ill, USA: TheosophicalPublishing House,
1964.
_________________. Raja-Yoga, or Ocultism. Bombay: TheosophyCompany, 1973.
CRANSTON, Sylvia. Helena Blavatsky: a vida e a influência extraordinária da fundadora do
movimento teosófico moderno. Brasília: Teosófica, 1997.
HARRIS, P.S., org. TheosophicalEncyclopedia. Quezon City, Philippines:
TheosophicalPublishingHouse, 2006.
HUGHES, Jeff. Occultism and the Atom: the curious story of isotopes. Physics World. Sep.
2003, p. 31 – 35. [ISSN: 0953-8585]
LEADBEATER, C.W. A GnoseCristã. Brasília: Teosófica, 1994.
__________________. O Lado Oculto das Coisas. Brasília: Teosófica, 2017.
__________________. O Plano Astral. Brasília: Teosófica, 2014.
LINDEMANN, R.; OLIVEIRA, P. A Tradição-Sabedoria: uma introdução ao estudo
comparado de filosofia oriental e ocidental. 5. ed.Brasília: Teosófica, 2011.
PHILLIPS, Stephen M., PhD. Extra-Sensory Perception of Quarks. Chennai (Madras), India:
TheosophicalPublishing House, 1980.
SANKARA. Viveka-Chudamani: a joia suprema da sabedoria. Brasília: Teosófica, 1992.
REALE, G. História da Filosofia Antiga. 5. v. São Paulo: Loyola, 1995.
SRINIVASAN, M., PhD. Introduction to ‘Occult Chemistry’.Chennai (Madras), India:
Theosophical Publishing House, 2002.
TAIMNI, I.K., PhD. A Ciência do Yoga. Brasília: Teosófica, 1996.
VIVEKANANDA, Swami. Raja-Yoga. Calcutta, India:AdvaitaAshrama, 1982.
ZIMMER, Heinrich. Filosofia da Índia.São Paulo: Palas Athena, 2012.
BLAVATSKY, Helena Petrovna. A Chave para a Teosofia. Brasília: Teosófica, 2004.
___________________________. A Doutrina Secreta. São Paulo: Pensamento, 2008.
___________________________. Fundamentos da Filosofia Esotérica. Brasília: Teosófica,
1993.
___________________________. Ocultismo Prático. Brasília: Teosófica, 2001.
BARKER, A. T., comp.Cartas dos Mahatmas Para A. P. Sinnett. Brasília: Teosófica, 2001.
JINARAJADA, C., comp.Cartas dos Mestres de Sabedoria. Brasília:Teosófica, 1996.
CRANSTON, Sylvia. Helena Blavatsky. A Vida e a Influência Extraordinária da Fundadora
do Movimento Teosófico Moderno. Brasília: Teosófica, 1997.
LINDEMANN, Ricardo; OLIVEIRA, Pedro. A Tradição-Sabedoria. Brasília: Teosófica,
2006.
HANSON, Rick; MENDIUS, Richard. O cérebro de Buda:neurociência prática para a
felicidade.São Paulo: Alaúde, 2013.
BURNIER, Radha. O direito inato do homem. Revista TheoSophia. Brasília:Sociedade
Teosófica no Brasil, 2015.
PACKER,M. L. G. A senda do yoga; filosofia pratica e terapêutica. Rio de Janeiro: Nova
Letra, 2008.
KRISHNAMURTI, J. A mente sem medo. São Paulo:Cultrix, 1980.
LAMA, D.; Cutler, H. C. A arte da felicidade; um manual para a vida – Sua santidade. São
Paulo: Martins Fontes, 2000.
TOLLE, E.Praticando o poder do Agora. Rio de Janeiro: Sextante, 2001.
HALLAWEL, P. Visagismo integrado; identidade, estilo e beleza. São Paulo: SENAC, 2009.
MEHTA, R. O chamado dos Upanixades. Brasília:Teosófica, 2003.
_________. Yoga a arte da integração. Brasília: Teosófica, 2012.
EINSTEIN, A.Disponível em:
pensador.uol.com.br/autores/AlbertEinstein . Acesso em abril/2016.
KWAN, revista bimestral do templo Tzong Kwan, nov./2003.
SANTANA, A. L..Disponível em:
www.infoescola.com/fisica/quantica. Acesso em abril/2016.
TAGGART,Mc. Disponível em:
https://pt.wikipedia.org/wiki/Filosofia_do_tempo. Acesso em março de 2016.
IGAN, M. apud PLANCK, Max. A Singularidade de Ponto Zero.
Disponível em:
http://evoluasuaconsciencia.blogspot.com.br/2014/10/a-singularidadepontozero.html. Acesso
em abril/2016.
Como Citar
KUHN PFEIFER, A.; SZYNWELSKI, C.; ROCHA LIMA, S. R.; LINDEMANN, R.; MARCHESINI, O. E.; MENDES DA SILVA, L. Teosofia Antiga e Moderna. Sacrilegens , v. 15, n. 2, 11.