Preceptoria e planejamento de ações do residente de enfermagem no tratamento dialítico: relato de experiência de preceptoras em um programa de residência multiprofissional

Autores

  • Andreia Aparecida Henriques Carvalho Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora, Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares https://orcid.org/0000-0001-7276-0138
  • Maria Aparecida Rosa Herculano Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora, Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares
  • Leticia de Souza Peyroton Ferreira Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora, Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares https://orcid.org/0009-0009-8480-8544

DOI:

https://doi.org/10.34019/1982-8047.2024.v50.42883

Palavras-chave:

Preceptoria, Residência Multiprofissional, Acolhimento, Avaliação

Resumo

Introdução: A reflexão e identificação de fatores limitantes relacionados ao ensino prático em programas de residência multiprofissional é de suma importância para a proposição de intervenções e melhorias. A limitada percepção do preceptor sobre seu papel educativo, a dissociação entre teoria e prática e a inadequação dos processos de supervisão dos residentes são tópicos que devem ser abordados nesse cenário. Objetivo: Compartilhar a experiência das autoras no que tange à organização e execução de um plano de atividades para o residente de enfermagem nos serviços de diálise renal em um Hospital Universitário. Material e Métodos: Trata-se de um relato de experiência sobre uma intervenção realizada pelas autoras, enfermeiras, enquanto preceptoras de dois programas de residência multiprofissional em um Hospital Universitário, onde os residentes transitaram por campos de prática relacionados às Terapias Renais Substitutivas. Relato de Experiência: Foram identificados fatores limitantes dos programas, passíveis de intervenção e aprimoramento da prática cotidiana. As atividades desenvolvidas dizem respeito ao acolhimento e ambiência do novo residente; planejamento das atividades teóricas e práticas do residente, supervisão e direcionamento das ações; e, reflexões acerca da prática avaliativa preconizada pelos programas e em relação àquela que vem sendo utilizada pelas autoras, como a autoavaliação e o feedback imediato. Conclusão: Conclui-se que, a partir das ações realizadas, com delineamento prévio das atividades e envolvimento dos residentes, enfermeiros preceptores, tutores e equipe setorial em geral, percebeu-se maior segurança e proatividade para desenvolver as atribuições programadas, bem como maior estímulo à participação e compartilhamento de observações diárias.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Brasil. Lei nº 11.129, de 30 de junho de 2005 [Internet]. Institui o Programa Nacional de Inclusão de Jovens – ProJovem; cria o Conselho Nacional da Juventude – CNJ e a Secretaria Nacional de Juventude; altera as Leis nº 10.683, de 28 de maio de 2003, e 10.429, de 24 de abril de 2002; e dá outras providências. 2005 [citado em 2023 set. 07]. Disponível em: https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2005/lei/l11129.htm.

Brasil. Resolução CNRMS nº 2, de 13 de abril de 2012 [Internet]. Dispõe sobre Diretrizes Gerais para os Programas de Residência Multiprofissional e em Profissional de Saúde. 2012 [citado em 2023 set. 07]. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=15448-resol-cnrms-n2-13abril-2012&Itemid=30192.

Botti SHO, Rego S. Preceptor, supervisor, tutor e mentor: quais são seus papéis? Revista Brasileira de Educação Médica [Internet]. 2008 [citado em 2023 set. 10]; 32(3):363-73. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rbem/a/7SdHGKFv9VMkyBdtqGfLYMv/.

Santos EG, Ferreira RR, Mannarino VL, Leher EMT, Goldwasser RS, Bravo Neto GP. Avaliação da preceptoria na residência médica em cirurgia geral, no centro cirúrgico, comparação entre um hospital universitário e um hospital não universitário. Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões [Internet]. 2012 [citado em 2023 dez. 02]; 39(6):547-52. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rcbc/a/f9mSF3ZdwgkcYq9SWYfKMTR/abstract/?lang=pt.

Melo MC, Queluci GC, Gouvêa MV. Problematizando a residência multiprofissional em oncologia: protocolo de ensino prático na perspectiva de residentes de enfermagem. Rev Esc Enferm USP. 2014; 48(4):706-14.

Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (BR). Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora. Carta de serviços ao cidadão [Internet]: 2019. Juiz de Fora: Ebserh; 2019 [citado em 2023 set. 22]. Disponível em: https://www2.ufjf.br/ufjf/wp-content/uploads/sites/3/2019/10/carta-de-servios-ao-cidado_17-07-19.pdf.

Bastos AJ, Ferreira LLO, Silva RA. Contribuição da fisioterapia intradialítica na reabilitação do paciente com insuficiência renal crônica em hemodiálise. Rev Liberum Accessum [Internet]. 2023 [citado em 2023 nov. 11]; 15(2):172-87. Disponível em: http://revista.liberumaccesum.com.br/index.php/RLA/article/view/206.

Matos JP, Fazenda J. Mecanismos da hemodiálise e diálise peritoneal. Research, Society and Development [Internet]. 2022 [citado em 2023 set. 11]; 11(14):p.e237111436213. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/36213.

Guimarães A, Queiroz P. Determinantes sociais da saúde e adesão do paciente renal crônico em tratamento hemodialítico. Health Residencies Journal. 2021; 2 (9):112-24.

Brasil. Portaria 2042, de 11 de outubro de 1996. Estabelece o Regulamento Técnico para o funcionamento dos serviços de Terapia Renal Substitutiva e as normas para cadastramento desses estabelecimentos junto ao Sistema Único de Saúde e revoga a Portaria SAS n. 38, de 3 de março de 1994. Brasília: 1996.

Brasil. Resolução - RDC nº 154, de 15 de junho de 2004. Estabelece o Regulamento Técnico para o funcionamento dos serviços de diálise. Brasília: 2004.

Boscov C. O impacto do ensino centrado no aluno no processo de aprendizado. Revista de Auditoria, Governança e Contabilidade [Internet]. 2020 [citado em 2023 set. 20]; 8(36):79-93. Disponível em: https://revistas.fucamp.edu.br/index.php/ragc/article/view/2155.

Silva TCM, Andrade PO, Costa AJ, Souza SR, Souza VR, Valente GSC et al. O papel do enfermeiro preceptor na residência de enfermagem em uma instituição militar. Research, Society and Development. 2021; 10(5):e16010514862.

Araújo MC, Peduzzi M, Mazzi NR, Souza CMS, Leonello VM. Contribuições da preceptoria para o desenvolvimento de competências clínicas e gerenciais na residência em enfermagem. Revista Brasileira de Enfermagem [Internet]. 2023 [citado em 2023 out. 10]; 76(2):e20220510. Disponível em: https://www.scielo.br/j/reben/a/NSz3LvDVGS8wfJXn4KdZPVH/?format=pdf&lang=pt.

Aued GK, Bernardino E, Peres AM, Lacerda MR, Dallaire C, Ribas EN. Competências clínicas do enfermeiro assistencial: uma estratégia para gestão de pessoas. Revista Brasileira de Enfermagem [Internet]. 2016 [citado em 2023 set. 15]; 69(1):142-9. Disponível em: https://doi.org/10.1590/0034-7167.2016690119i.

Freitas BTP, Sé ACS, Gonçalves RCS, Pereira GL. Contribuições e desafios da preceptoria nos programas de residência em Enfermagem. Research, Society and Development [Internet]. 2021 [citado em 2023 out. 05]. doi: http://dx.doi.org/10.33448/rsd-v10i5.14996.

Leitão LMBP, Vianna IC, Delmiro ALC, Cruz JPL, Motoyama PVP, Filho MST et al. Metodologias ativas de ensino em saúde e ambientes reais de prática: uma revisão. Revista de Medicina [Internet]. 2021 [citado em 2023 set. 27]; 100(4):358- 65. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/revistadc/article/view/171229.

Auto BSD, Vasconcelos MVL, Peixoto ALVA. Avaliação de habilidades clínicas e feedback na residência médica em Pediatria. Revista Brasileira de Educação Médica [Internet]. 2021 [citado em 2023 set. 29]; 45(2):e098. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rbem/a/tGrRmMV57FsbLS6tcW9Sjxj/?format=pdf&lang=pt.

Zeferino AMB, Passeri SMRR. Avaliação da aprendizagem do estudante. Cadernos ABEM. 2007; 3:39-43.

Ramani S, Krackov SK. Twelve tips for giving feedback effectively in the clinical environment. Medical Teacher. 2012; 34(10):787-91.

Almeida MTC, Batista NA. Ser docente em métodos ativos de ensino-aprendizagem na formação do médico. Rev Bras Educ Med [Internet]. 2011 [citado em 2023 set. 10]; 35(4):468-76. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbem/v35n4/a05v35n4.pdf.

Downloads

Publicado

2024-06-21

Como Citar

1.
Carvalho AAH, Herculano MAR, Ferreira L de SP. Preceptoria e planejamento de ações do residente de enfermagem no tratamento dialítico: relato de experiência de preceptoras em um programa de residência multiprofissional. HU Rev [Internet]. 21º de junho de 2024 [citado 15º de julho de 2024];50:1-8. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/hurevista/article/view/42883

Edição

Seção

Relato de Experiência