Doença Muscular inflamatória juvenil: relato de seis casos atendidos no Serviço de Reumatologia do HU-UFJF e revisão de literatura

Autores

  • Rafael de Oliveira Fraga Universidade Federal de Juiz de Fora
  • Juliana Maria Pernambuco
  • Guimar Nascimento de Oliveira
  • Ana Clarissa Duin Fortes
  • Renata Lúcia de Lima
  • Dário Júnior de Freitas Roas

Palavras-chave:

Doença muscular inflamatória juvenil – epidemiologia, Doença muscular inflamatória juvenil – diagnóstico,

Resumo

A doença muscular inflamatória representa um grupo de desordens caracterizado por fraqueza muscular proximal, inflamação e lesão dos tecidos musculares. É a principal e a mais grave causa de miopatia até os 16 anos de idade, embora seja uma enfermidade rara. Uma dificuldade inerente ao seu diagnóstico é que não há limites clínicos precisos entre as diferentes síndromes que resultam em fraqueza muscular, assim como o fato de a maioria dessas entidades cursarem com manifestações sistêmicas diferentes (cutâneas, cardíacas, pulmonares e gastrintestinais) que podem confundir o seu diagnóstico correto. Relatamos seis casos de pacientes com diagnóstico realizado na infância, atendidos pelo Serviço de Reumatologia do Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora (HU-UFJF), no período de 1998 a 2004.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2007-11-29

Como Citar

1.
Fraga R de O, Pernambuco JM, Oliveira GN de, Fortes ACD, Lima RL de, Roas DJ de F. Doença Muscular inflamatória juvenil: relato de seis casos atendidos no Serviço de Reumatologia do HU-UFJF e revisão de literatura. hu rev [Internet]. 29º de novembro de 2007 [citado 3º de fevereiro de 2023];32(2):51-5. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/hurevista/article/view/17

Edição

Seção

Relato de Caso