FUNDAMENTOS DA TEORIA DA REPRESENTAÇÃO EM ARTHUR SCHOPENHAUER E O PRINCÍPIO DE RAZÃO SUFICIENTE DO DEVIR

  • Pedro Damasceno Uchôas Universidade Federal de Juiz de Fora

Resumo

Este artigo tem como principal objetivo a explicação da teoria da representação de Arthur Schopenhauer a partir de duas de suas obras principais, O mundo como vontade e como representação e Sobre a quádrupla raiz do princípio de razão suficiente. A partir disso, o foco principal se dirige à explicação fundamental da primeira classe do princípio de razão suficiente, o princípio de razão suficiente do devir, e à sua importância para a filosofia schopenhaueriana do conhecimento.
Publicado
2018-08-07