Avaliação da correlação entre cobertura vacinal e mortalidade por covid-19 em Santa Catarina

Autores

DOI:

https://doi.org/10.34019/1809-8363.2023.v26.38999

Palavras-chave:

COVID-19, Vacinação, Mortalidade

Resumo

Introdução: O presente estudo avaliou a correlação entre cobertura vacinal e mortalidade por covid-19 em Santa Catarina, a fim de evidenciar o comportamento da imunização coletiva para o controle da pandemia da covid-19. Métodos: Foi realizado um estudo ecológico que incluiu os casos confirmados e óbitos por covid-19 em Santa Catarina entre 12/03/2020 e 03/01/2022, além da cobertura vacinal de covid-19 de 18/01/2021 a 31/12/2021. A análise de dados foi realizada em dois períodos para posterior avaliação comparativa, sendo obtidas taxas mensais. Resultados: O maior número de casos de covid-19 relacionou-se ao sexo feminino (52,2%) e à população de 20 a 49 anos (62,1%). O maior número de óbitos foi atrelado ao sexo masculino (57,8%) e à população acima de 60 anos (68,5%). As macrorregiões Foz do Rio Itajaí e Sul apresentaram as maiores taxas de incidência e mortalidade. Ao comparar os dois períodos, houve redução da taxa de incidência (58,3%) e mortalidade (55,6%), concomitante ao aumento de 50% no número de vacinados com o esquema completo. Conclusão: Observou-se uma correlação negativa (r = - 0,05) entre cobertura vacinal e taxa de mortalidade, evidenciando que a mortalidade pela covid-19 diminuiu à medida que a vacinação foi aumentando (p = 0,08).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lara Damiani Cabral, Universidade do Sul de Santa Catarina (UniSul)

Graduada em Medicina pela Universidade do Sul de Santa Catarina (UniSul). CV: http://lattes.cnpq.br/0156296287188281

Pedro Miguel Goulart Longo, Universidade do Sul de Santa Catarina (UniSul)

Graduado em medicina pela Universidade do Sul de Santa Catarina (UniSul), campus Tubarão. CV: http://lattes.cnpq.br/0979925297395244

Laís Cruz Lima, Universidade do Sul de Santa Catarina (UniSul)

Graduada em Medicina pela Universidade do Sul de Santa Catarina (UniSul). CV: http://lattes.cnpq.br/0104805356688729

André Luís de Medeiros Prudêncio, Universidade do Sul de Santa Catarina (UniSul)

Graduado em Medicina pela Universidade do Sul de Santa Catarina (UniSul). CV: http://lattes.cnpq.br/5233071043694632

Helena Caetano Gonçalves e Silva, Universidade do Sul de Santa Catarina (UniSul)

Graduada em Enfermagem, mestra em Ciências da Saúde e doutora em Ciências da Saúde pela Universidade do Sul de Santa Catarina (UniSul), com pós-doutorado em Ciências da Saúde pela UniSul. Professora titular da Universidade do Sul de Santa Catarina (UniSul). CV: http://lattes.cnpq.br/1645317315530400

Downloads

Arquivos adicionais

Publicado

2023-11-22

Como Citar

Cabral, L. D. ., Longo, P. M. G. ., Lima, L. C. ., Prudêncio, A. L. de M. ., & Silva, H. C. G. e . (2023). Avaliação da correlação entre cobertura vacinal e mortalidade por covid-19 em Santa Catarina. Revista De APS, 26. https://doi.org/10.34019/1809-8363.2023.v26.38999

Edição

Seção

Artigos Originais