Diretrizes Curriculares Nacionais e conformidade com o perfil de médicos recém-formados

Autores

Palavras-chave:

Avaliação Educacional, Sistema Único de Saúde, Atenção Básica, Acreditação de Programas, Residência Médica

Resumo

As Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) dos Cursos de Graduação em Medicina do Ministério da Educação (MEC) trouxeram mudanças na formação médica. As DCN desafiam as Instituições de Ensino Superior (IES) a formarem médicos capazes de lidar com demandas e princípios do Sistema Único de Saúde (SUS), privilegiando metodologias que associam pesquisa, ensino e extensão. Entretanto, apenas as DCN não garantem isso e os dados referentes aos egressos ainda são escassos. Assim, o curso de Medicina da Universidade Federal de Viçosa (UFV), iniciado em 2010, possui história suficiente para estabelecer relações entre o perfil de formação e prática profissional dos egressos e o que é preconizado pelas DCN. Objetivou-se descrever e analisar o perfil sociodemográfico de formação e atuação profissional dos egressos e observar a existência ou não de conformidade do perfil preconizado pelas DCN. Quanto à metodologia, a coleta de dados se deu via questionário online, enviado aos médicos formados na instituição. O questionário era organizado em três partes: perfil sociodemográfico, perfil de formação e prática profissional. A maioria dos voluntários era do sexo feminino, jovens, solteiros, conheciam totalmente ou grande parte das DCN e do projeto pedagógico do curso de Medicina-UFV. O curso contribuiu totalmente ou em grande parte para a formação em atenção básica, humanista, generalista, crítico-reflexiva e ética. A minoria não está cursando programas de residência médica, trabalha no sistema privado e público, como especialistas em grandes capitais do Sudeste, e a quase totalidade não possui mestrado ou doutorado. A maior parte se sente preparada para o mercado de trabalho. Em conclusão, como aspectos positivos, a maioria dos egressos apresenta conhecimentos e habilidades preconizados pelas DCN, sente-se preparada e competente para o trabalho. Contudo, chamou atenção a baixa procura pela área de medicina de família e comunidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Higor José de Souza, Universidade Federal de Viçosa (UFV)

Graduando de medicina na Universidade Federal de Viçosa.

Brunnella Alcântara Chagas de Freitas, Universidade Federal de Viçosa (UFV)

Doutora em Ciência da Nutrição, Universidade Federal de Viçosa (PPGCN/UFV);  Professora  do Departamento de Medicina e Enfermagem (DEM/UFV).

Diego Sousa Fernandes, Universidade Federal de Viçosa (UFV)

Graduando de medicina na Universidade Federal de Viçosa.

Denilson Marcos Cúrcio Junior, Universidade Federal de Viçosa (UFV)

Graduando de medicina na Universidade Federal de Viçosa.

Sávio Marques de Souza, Universidade Federal de Viçosa (UFV)

Graduando de medicina na Universidade Federal de Viçosa.

Downloads

Publicado

2021-06-01

Edição

Seção

Resumos