ATENÇÃO À SAÚDE DA CRIANÇA NA ESTRATÉGIA EM SAÚDE DA FAMÍLIA

  • Kamila Priscila Pereira Universidade Federal do Paraná, Curitiba-PR, Brasil
  • Kellen Vanzin Universidade Federal do Paraná, Curitiba-PR, Brasil
  • Marilene Cruz Magalhães Buffon Universidade Federal do Paraná, Curitiba-PR, Brasil
  • Juliana Schaia Rocha Universidade Estadual de Ponta Grossa Pontifícia Universidade Católica do Paraná
  • Veronica de Azevedo Mazza Universidade Federal do Paraná, Curitiba-PR, Brasil
  • Leise Dziecinny Ferreira Secretaria Municipal de Saúde de Colombo -PR
  • Rafael Gomes Ditterich Universidade Federal do Paraná, Curitiba-PR, Brasil
Palavras-chave: Criança, Atendimento Integral à Saúde da Criança, Avaliação de Programa

Resumo

Avaliação é uma ferramenta que se insere no processo de gestão interna de melhoria contínua das ações e práticas da atenção à saúde da criança visando atingir níveis de qualidade em sintonia com as demandas sociais e os avanços técnicos científicos em saúde.  Objetivo: Foi avaliar o Programa de Atenção à Saúde da Criança de duas Unidades Saúde da Família de Colombo-PR, com base no Protocolo Municipal de Saúde da Criança: Nascer Colombo.  Metodologia: Trata-se de um estudo caráter descritivo e analítico exploratório. Os dados foram coletados nas Unidades de Saúde Jardim das Graças e Fátima, com Estratégia em Saúde da Família. Para a coleta de dados foram analisadas as Fichas de Acompanhamento da Criança. Foram avaliados os seguintes critérios: adesão ao programa, monitoramento de crescimento e desenvolvimento, vacinação, suplementação de ferro, atendimento odontológico e sua conclusão e a avaliação de risco. Resultados: Apenas 43% e 52% das crianças da Unidade Jardim das Graças e Fátima aderiram ao Programa de Atenção à Saúde da Criança, respectivamente. A taxa de imunização foi maior de 90% para as duas unidades. A proporção de suplementação de ferro ficou entre 17 e 24% nas duas unidades. 64,1% do total das crianças foram ao dentista, sendo que destas, mais de 90% concluíram o tratamento. Observou-se deficiência no registro das informações. Conclusão: Alguns valores encontrados estavam abaixo do esperado. Para melhorar o programa haverá a necessidade de que as equipes trabalhem em conformidade com o Protocolo Municipal de Saúde da Criança.

Biografia do Autor

Juliana Schaia Rocha, Universidade Estadual de Ponta Grossa Pontifícia Universidade Católica do Paraná
Escola Ciências da Vida. Odontologia
Publicado
2018-12-20
Seção
Artigos Originais