COMPETÊNCIAS PROFISSIONAIS DOS AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE: UMA REVISITAÇÃO

Autores

  • Andrea Gonçalves Bandeira UFRGS
  • Regina Rigatto Witt UFRGS
  • Carla Daiane Silva Rodrigues UFRGS

DOI:

https://doi.org/10.34019/1809-8363.2018.v21.16251

Palavras-chave:

Saúde da Família. Agentes comunitários de saúde. Competência Profissional.

Resumo

O Agente Comunitário de Saúde (ACS) é um dos profissionais que atua nas equipes de Saúde da Família, cuja supervisão é de responsabilidade do enfermeiro.  Este estudo teve como objetivo analisar a adequação das competências propostas pelo Ministério da Saúde para os ACS na perspectiva de enfermeiros e ACS. Utilizou-se a Técnica Delphi online em duas rodadas. Participaram do estudo 90 enfermeiros e ACS do programa Telessaúde/RS. Dois instrumentos circularam entre o grupo, solicitando avaliação da adequação das competências. Como critério de consenso foi estabelecido um percentual de 75%. Das 45 habilidades e conhecimentos iniciais, foram modificadas 19 e excluídas seis, além disso, foram acrescentadas 13 habilidades. Os resultados evidenciaram uma preocupação dos enfermeiros com a formação dos ACS e a fragmentação do trabalho na ESF e a necessidade do resgate  da essência do trabalho deste profissional tal como foi concebida na sua origem para a mudança do modelo assistencial necessária para a consolidação do SUS.

Biografia do Autor

Andrea Gonçalves Bandeira, UFRGS

Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Regina Rigatto Witt, UFRGS

Professora do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Carla Daiane Silva Rodrigues, UFRGS

Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Downloads

Publicado

2018-12-20

Edição

Seção

Artigos Originais