“CONHECER OS DESEJOS DA TERRA”: INTERVENÇÃO DE PROMOÇÃO À SAÚDE EM UM ASSENTAMENTO RURAL

  • Mariana Boulitreau Siqueira Campos Barros Universidade Federal de Pernambuco
  • Débora Morgana Soares Oliveira do Ó INSTITUTO DE MEDICINA INTEGRAL PROFESSOR FERNANDO FIGUEIRA - IMIP
Palavras-chave: mulheres, promoção em saúde, saúde da população rural

Resumo

Este artigo visa avaliar o impacto de uma intervenção de promoção à saúde, mediada pelo Método Bambu, em um grupo de mulheres de um Assentamento Rural, com vistas a tornar visível o perfil de governabilidade dessa parcela da população. Tratou-se de um estudo do tipo intervenção comunitária, de abordagem qualitativa, realizado em um assentamento rural localizado no município de Moreno – PE. Foi utilizado o recurso da foto-linguagem, além da técnica de análise de conteúdo segundo Bardin (2009). O estudo agrupou três categorias de análise: “A Promoção à Saúde: Entre retratos e olhares”, “O envolvimento do trabalho, dos movimentos sociais, e do MST na promoção à saúde” e “Tecendo impactos: as novas lentes da promoção à saúde”, além disso, conta com uma etapa de intervenção referente ao “Método Bambu: Quando um pode ser muitos”. A intervenção com o grupo de mulheres no assentamento rural culminou positivamente na construção de um alicerce referente à promoção da saúde pelas integrantes, e consequente fortalecimento do protagonismo das mesmas quanto aos cuidados primários e responsabilização pelo ambiente, vistos através da eclosão de concepções ativas acerca da qualidade de vida e do envolvimento com as ações propostas para a construção de um território saudável na comunidade.

Biografia do Autor

Mariana Boulitreau Siqueira Campos Barros, Universidade Federal de Pernambuco
Docente do curso de Bacharelado em Enfermagem na Universidade Federal de Pernambuco com área de atuação em Saúde Coletiva.
Débora Morgana Soares Oliveira do Ó, INSTITUTO DE MEDICINA INTEGRAL PROFESSOR FERNANDO FIGUEIRA - IMIP
Enfermeira Residente do Programa de Residência Multiprofissional em Saúde da Família.
Publicado
2019-01-30
Seção
Artigos Originais