[1]
D. Coutinho Iendrick, “A casa de candomblé: família e negociações de domesticidade”, SAC, vol. 16, nº 1, p. 148-161, out. 2019.