JUDICIALIZAÇÃO DA EDUCAÇÃO: RESULTADOS DE UMA TRAJETÓRIA DE PESQUISA QUE ENTRELAÇA AS CIÊNCIAS SOCIAIS E A EDUCAÇÃO

Autores

  • Rafaela Reis Azevedo de Oliveira

DOI:

https://doi.org/10.34019/2236-7268.2020.v10.33199

Resumo

Este artigo tem como objetivo apresentar resultados de uma trajetória de pesquisa que entrelaça as áreas de Ciências Sociais e Educação na Universidade Federal de Juiz de Fora em uma década (2005 a 2015). Além de fazer essa apresentação, cujo objetivo se originou da participação na disciplina “Segunda na Pós” do Programa de Pós-Graduação em Educação desta Universidade, o texto aprofunda-se na apresentação dos resultados das pesquisas de mestrado e doutorado desenvolvidas no referido programa entre os anos de 2009 e 2015 e que investiram na análise do processos de Judicialização da Educação, como um desdobramento do processo de Judicialização da Política no Brasil, bastante recorrente, sobretudo a partir de 1988. Como resultados, mostramos a conexão que existe entre as pesquisas desenvolvidas desde a graduação até as atuais pesquisas desenvolvidas na área de ensino de sociologia pela autora em suas atividades de docente na Faculdade de Educação da UFJF e, no que compete às pesquisas sobre Judicialização da Educação, que o processo, no município de Juiz de Fora, vem sendo protagonizado por diferentes atores e que há grande possibilidade de aumentarem os casos judicializados na área de educação, em especial da Educação Infantil, tendo em vista os cortes orçamentários para a Educação a partir da PEC/95 e as medidas do atual governo federal.

 

Palavras-chaves: Trajetória de Pesquisa; Ciências Sociais; Educação; Judicialização da Educação.

Biografia do Autor

Rafaela Reis Azevedo de Oliveira

Professora Adjunta do Departamento de Educação da UFJF.

Downloads

Publicado

2021-01-12