https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/issue/feed IPOTESI – REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS 2023-12-07T17:20:38+00:00 Equipe editorial revista.ipotesi@ufjf.br Open Journal Systems <p>A <em>Ipotesi - Revista de Estudos Literários</em> [ISSN 1982-0836] é uma publicação semestral do <a href="https://www2.ufjf.br/ppgletras/">Programa de Pós-Graduação em Letras – Estudos Literários</a>, da <a href="https://www2.ufjf.br/ufjf/">Universidade Federal de Juiz de Fora</a>, cujo objetivo é divulgar produções de pesquisadores de universidades nacionais e estrangeiras. Dedicada a contribuições na área de estudos literários, a revista publica artigos (dossiê temático e dossiê de tema livre), resenhas, traduções e criação literária. <span style="font-weight: 400;">O material enviado é avaliado pelos Editores de número e por pelo menos dois pareceristas </span><em><span style="font-weight: 400;">ad hoc</span></em><span style="font-weight: 400;"> (Avaliação Cega por Pares).</span></p> <p>Para saber mais sobre a revista (histórico, foco, escopo, periodicidade), <a href="https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/sobre">clique aqui</a>.</p> <p>Para acompanhar as chamadas abertas, <a href="https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/announcement">clique aqui</a>.</p> https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/article/view/41897 UM POEMA TORRE 2023-10-19T20:10:12+00:00 Isabella Morelli Esteves isabella.m.esteves@gmail.com <p>Poema concreto.</p> 2023-12-07T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 IPOTESI – REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/article/view/41778 “TER GARRAS PARA PODER CAVAR A TERRA DO MEU CORPO” 2023-10-19T20:09:12+00:00 Raíssa Varandas raissavarandas@gmail.com Lia Duarte Mota liadumo@gmail.com <p>Este ensaio procura pensar as relações entre a escrita de Hilda Hilst e o corpo a partir do livro de contos Fluxo-floema. Nos textos da autora o corpo surge como objeto de reflexão filosófica e literária, mas assume, principalmente, o papel enquanto sujeito criador: corpo que escreve. Para isso, leio Hilst ao lado dos filósofos Jean Luc-Nancy e Michel Serres, três autores que trouxeram tronco, carne e músculos para o cerne do debate.</p> <p><br />Palavras-chave: Corpo. Filosofia. Performance. Metamorfose. Hilda Hilst.</p> 2023-12-07T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 IPOTESI – REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/article/view/41899 A IMAGINAÇÃO E O SONHO, FORÇAS TRANSFORMADORAS DO REAL: UM ESTUDO DO RITUAL ALQUÍMICO EM OS ANJOS, DE TEOLINDA GERSÃO 2023-10-19T12:00:06+00:00 Rodrigo Veloso rodrigo@casadaesfiha.com.br <p>Trata-se de um estudo da narrativa Os Anjos, de Teolinda Gersão, em diálogo com a antropologia (Ritos de Passagem) e com a alquimia segundo psicologia junguiana, em que se intenta analisar a personagem protagonista Ilda em seu processo de individuação, ou seja, de autoconhecimento, bem como por meio dos elementos naturais (água, fogo, terra e ar) que surgem ao longo do texto literário, em diferentes momentos e situações e, sobretudo, diante desse contato, ela constitui sua identidade. Vale lembrar que o aparato teórico-metodológico se dará pelo ritual-alquímico na narrativa em estudo, haja vista que se configura enquanto representação simbólica e epifânica e, além disso, remonta as experiências ritualísticas vividas pela protagonista e, por outro lado, remete ao modo como o próprio texto gerseano é construído. Ademais, para a discussão teórica e crítica têm-se autores como Arnold Van Gennep (2011), Carl Gustav Jung (1987), Edward Edinger (1985), Annabela Rita e Miguel Real (2021), Álvaro Cardoso Gomes (1993), entre outros. Assim sendo, o caminho de (trans) formação e aprendizado de Ilda revela um aspecto paradoxal de sua postura no contexto familiar e social, uma personagem hibrida que se articula entre o externo e o interno, entre o observar e o fazer, entre o tradicional e o moderno, entre o mundo imaginário desejado e o mundo real em ruínas.</p> <p><br />Palavras-chave: Literatura Portuguesa. Teolinda Gersão. Os Anjos. Ritos de passagem. Alquimia.</p> 2023-12-07T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 IPOTESI – REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/article/view/42936 LA LUCHA POR EL PODER INTERPRETATIVO: EL INFORME DE LA COMISIÓN DE LA VERDAD Y LA RECONFIGURACIÓN DEL DISCURSO TESTIMONIAL EN COLOMBIA 2023-11-17T19:30:46+00:00 María E. Osorio Soto mosorio@udea.edu.co <p>El objetivo de este artículo es indagar sobre una posible reconfiguración del género testimonial en Colombia a raíz de <em>El informe final</em> entregado por la Comisión de la Verdad en 2022. Dicho informe constituye una fuente documental que nos brinda elementos para (re)pensar sobre la función social y política del testimonio, en tanto que en él emergen nuevos “sujetos de derecho” y sujetos “testimoniantes”, no reconocidos u opacados en los círculos del poder oficial. Específicamente, reflexionamos en torno a tres aspectos que identificamos como profundamente innovadores en <em>El informe</em> que se asume la naturaleza como sujeto de derecho que se adopta una perspectiva de género como eje transversal y, finalmente, que abre un espacio para la representatividad de voces menos escuchadas: las de los niños y las niñas. </p> <p>Palabras clave: Género testimonial. Comisión de la verdad. Perspectiva de género. Derechos de la naturaleza. </p> 2023-12-07T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 IPOTESI – REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/article/view/42925 A INTERSECCIONALIDADE NA NARRATIVA QUARTO DE DESPEJO DE CAROLINA MARIA DE JESUS 2023-11-16T12:43:12+00:00 Eliani de Lima Villas Gomes elvgomes@uol.com.br Nicea Helena de Almeida Nogueira nicea.nogueira@ufjf.br <p>O objetivo desse trabalho é o de refletir a obra <em>Quarto</em> <em>de</em> <em>despejo:</em> diário de uma favelada, de Carolina Maria de Jesus sob o enfoque da interseccionalidade de raça e gênero como articuladores de empoderamento e subjetivação da protagonista. Analisar sob o prisma interseccional, esses marcadores também como categorias. Buscando a apropriação e a instrumentalização da escrita feminista da mulher negra brasileira, despertando no leitor, interesse e aprofundamento investigativo do tema. A autora é protagonista de suas experiências, oportunizando sua subjetivação no seu contexto das relações sociais, a começar dos processos constantes de restauração de sua construção identitária de raça e gênero.</p> <p>Palavras-chave: Carolina Maria de Jesus. Interseccionalidade. Raça. Gênero. Subjetivação.</p> 2023-12-07T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 IPOTESI – REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/article/view/41889 HUIR DE SÍ: JOÃO DO RIO Y LA MODERNIDAD LITERARIA 2023-10-19T13:02:46+00:00 Lucia Gonzalez gonzalezlucialp86714@gmail.com <p>Em suas crônicas, João do Rio mobiliza posicionamentos discursivos que demonstram interesse pelas novidades literárias que a nova experiência urbana suscita. Neste artigo pretendemos analisar a intenção do autor em estabelecer um espaço próprio de enunciação que coloca em tensão a possibilidade de representação da cidade e desestabiliza a dicotomia entre o local e o cosmopolita.</p> <p><br />Palavras-chave: João do Rio. cidade. crônicas. modernização.</p> 2023-12-07T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 IPOTESI – REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/article/view/42938 THE MISSION Y SANTO LUZBEL: APOLOGÍA Y SUBALTERNIDAD 2023-11-17T19:45:13+00:00 Mario A. Ortiz ortizmario2007@gmail.com <p>En este trabajo analizo las películas The Mission (dir. Roland Joffé, 1986) y Santo Luzbel (dir. Miguel Sabido, 1997). Aunque en la superficie estas películas abordan problemas de la situación del indígena en Latinoamérica en el pasado colonial y en el presente, respectivamente, propongo que ambos filmes realmente lo que hacen es manipular el tema de la subalternidad indígena como pre/texto para avanzar y elaborar una apología de ideologías religiosas contemporáneas como la Teología de la Liberación y la Teología India. A través de un análisis interdisciplinario, examino los subtextos literarios e históricos que forman el trasfondo de estas obras cinematográficas.</p> <p><br />Palabras clave: The Mission. Santo Luzbel. Roland Joffé. Miguel Sabido. subalternidad.</p> 2023-12-07T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 IPOTESI – REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/article/view/41220 A TRISTURINHA VIROU SOFRÊNCIA: CONSIDERAÇÕES SOBRE A MÚSICA SERTANEJA EM BUSCA DE LEGITIMAÇÃO 2023-10-19T20:12:56+00:00 Paula Beatriz Coelho Domingos Faria paulabdfaria@gmail.com Pedro Bustamante Teixeira pedro.teixeira@ufjf.br <p>O artigo faz uma análise da busca pela legitimação da música sertaneja, em suas diferentes nuances, como representante da cultura brasileira a partir das quatro principais razões apontadas por Alonso (2013) como critérios para a rejeição deste gênero musical pela intelectualidade. São elas: a valorização de uma suposta pureza da cultura interiorana, a associação do sertanejo à indústria cultural, o repúdio da classe média ao tom melodramático das canções e a visão dos migrantes interioranos como alienados e sem consciência política.</p> <p><br />Palavras-chave: Música sertaneja. Cultura brasileira. Música popular. Crítica musical. Legitimação.</p> <p> </p> 2023-12-07T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 IPOTESI – REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/article/view/41554 GUERRA E HEROÍSMO: FREUD E A CANÇÃO “C’ERA UN RAGAZZO CHE COMO ME AMAVA I BEATLES E I ROLLING STONES” 2023-10-19T20:12:28+00:00 Tiago Sarmento tsarmentoimprensa@gmail.com <p>Neste artigo, vamos trabalhar a canção pop italiana arranjada por Ennio Morricone C’era un ragazzo che como me amava i Beatles e i Rolling Stones (LUSINI; MIGLIACCI) e a noção de guerra, morte e heroísmo elocubradas por Sigmund Freud. A imagem do herói é uma manifestação das fantasias inconscientes do sujeito, seja ele real e falho ou fictício e virtuoso, e é a partir de Freud (1908; 1915) e dos nossos estudos anteriores (SARMENTO, 2019) que buscaremos fazer esta análise sobre o herói da guerra da canção e a psicanálise.</p> <p><br />Palavras-chave: Herói. Trauma. Guerra. Psicanálise.</p> 2023-12-07T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 IPOTESI – REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/article/view/41571 É POSSÍVEL CRUZAR O ATLÂNTICO? UMA LEITURA DE PINO DANIELE NO BRASIL 2023-10-04T13:16:22+00:00 Maria Fernanda Gárbero nandagarbero@gmail.com <p>O presente artigo é um estudo das recriações de Nelson Motta de duas canções do cantor napolitano Pino Daniele (“Quanno chiove”, 1980; “E po’ che fà”, 1982). Ao reconhecer que ambas se tornaram sucessos indiscutíveis da música popular brasileira, pretende-se analisar algumas diferenças temáticas na passagem de um continente a outro, tendo como interesse as perspectivas amorosas, a partir da modificação do texto e da manutenção da melodia.</p> <p>Palavras-chave: Recriação literária. Tradução cultural. Música popular brasileira. Cantigas. Pino Daniele.</p> 2023-12-07T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 IPOTESI – REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/article/view/42691 CAETANO E CHICO COM A ITÁLIA NO CANTAR 2023-12-07T15:15:13+00:00 Leonardo Davino de Oliveira leonardodavino@yahoo.com.br Márcia Cristina Fráguas mcfraguas@gmail.com <p>Este artigo investiga as ressonâncias da Itália nas obras dos cancionistas brasileiros Caetano Veloso e Chico Buarque de Hollanda – seja através da música do cinema italiano, com a influência de Nino Rota, no caso de Veloso, e Ennio Morricone, no caso de Buarque; seja, no modo espelhar com que cada cancionista plasma a Itália no Brasil, e vice-versa, a partir de experiências tão traumáticas quanto basilares da educação ética e estética de cada um. Dessa forma, este artigo quer demonstrar as relações entre os países, filtradas e traduzidas em canção por dois importantes artistas e intelectuais do Brasil.</p> <p><strong>Palavras-chave</strong>: Caetano Veloso. Chico Buarque. Cinema italiano. Roma. Brasil.</p> 2023-12-07T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 IPOTESI – REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/article/view/41638 TERRA DENTRO, SANGUE FORA: VANESSA VASCOUTO E O EMPOBRECIMENTO DAS RELAÇÕES NO CONTEXTO RURAL 2023-10-04T13:47:49+00:00 Paula Mendonça Dias paulamendoncad@gmail.com 2023-12-07T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 IPOTESI – REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS https://periodicos.ufjf.br/index.php/ipotesi/article/view/43065 “POPULAR MUSIC”: TRADIÇÕES EM DIÁLOGO ENTRE A ITÁLIA E AS AMÉRICAS 2023-12-07T14:55:59+00:00 Elena Santi es.elenasanti@gmail.com Pedro Bustamante Teixeira pedro.teixeira@ufjf.br 2023-12-07T00:00:00+00:00 Copyright (c) 2023 IPOTESI – REVISTA DE ESTUDOS LITERÁRIOS