1.
Rodrigues Bruno A. “Por tudo que é vivo, morre”: A morte negra numa freguesia do Recôncavo da Guanabara, Rio de Janeiro (século XVIII). FDC [Internet]. 16º de outubro de 2019 [citado 23º de abril de 2021];5(10):168-86. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/facesdeclio/article/view/28720